terça-feira, 8 de julho de 2008

Olho no olho


Sou da opinião de que tudo o que tem pra ser dito deve ser dito, obrigatoriamente, olhando nos olhos. Nada de MSN, telefone ou e-mail, claro, salvo em situações inevitáveis. Mas não inventaram melhor maneira do que essa: frente a frente, olho no olho, vendo a reação, enxergando gestos e expressões, sentindo a pulsação. Porque bonito mesmo é o que te desarma, o que te deixa segundos sem reação, te deixa de boca aberta, com olhos brilhando e um sorriso no rosto. E isso não se enxerga pelo MSN, não se sente em uma conversa pelo telefone e muito menos se traduz em um e-mail.
Alguém já experimentou decifrar olhares? Já percebeu como as amigas se comunicam por olhares? Como um casal conversa por olhares?
Verdades ou mentiras, devem ser ditas olho no olho. Coisas boas ou ruins, olho no olho.
Na real, é preciso exercitar nossos sentidos ao vivo: visão, audição, tato, paladar, olfato... Algo menor do que isso talvez seja mera ilusão.
É preciso perceber que a vida é o que se sente em um abraço, em uma lágrima, num tapa no rosto ou em um beijo.
Tudo muito mais que uma realidade virtual... vida real.

4 comentários:

  1. Minina!!!!

    é verdade!! é mt importante o olhar né? as pessoas realmente se comunicam pelo olhar.

    Bjão!! Ana Paula

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  3. as vezes entro aqui, nem sempre fecho a porta, mas sempre acendo a luz, quero ver a dona de palavras tão doces. Fico aqui, bem no cantinho, esperando tu entrar trazendo outro texto e colocar no mural.

    beijo !

    ResponderExcluir

Comente :)